O BREGA JURÍDICO II - A REVANCHE
Brega Jurídico II, a Revanche

 

"O post do Brega Jurídico I causou polêmica. Muita gente me escreveu, outros até me ligaram. Alguns juízes chegaram a me confessar que estavam chateados, pois se sentiam bregas, já que usavam praticamente todas as expressões contidas no texto.

Na verdade, o brega jurídico não é um estilo de uma pessoa específica, senão de uma persona, no sentido grego, da máscara que usamos no mundo dos autos; da nossa afetação lingüística quando somos instados, nós, ‘operadores do direito’, a atuar no palco forense.

O brega jurídico é, em síntese, o papel social que desempenhamos, papel e representação que inclusive a própria sociedade cobra do bacharel. Persona do latim, ensinam os dicionários, tem conexão com a origem grega de prosopopéia, que, por sua vez, além do sentido de personificação, curiosamente, é também sinônimo de discurso empolado.

Mas tirando as máscaras, e despersonificando o discurso, brega mesmo é tentar ditar regras estilísticas a alguém. Brega é pensar que sabe mais do que os outros; brega, enfim, é não ter cuidado com a sensibilidade alheia, inclusive com a sensibilidade lingüística.

Tentando arrancar, assim, a nossa carapuça, brega somos todos nós e essa nossa linguagem judiciária, que ricocheteia, perdida, entre a retórica e a equidade, sem saber por onde escapulir.

Mas, por via das dúvidas, vamos continuar o nosso dicionariozinho do brega jurídico (confiram a lista do lado esquerdo do blog) esperando as contribuições dos leitores. Ridendo castigat mores (será que latim também é brega?)."

DICIONÁRIO DO BREGA JURÍDICO

* A duas (Fonte: Jorge Álvaro)
* A uma (Fonte: Jorge Álvaro)
* Achega pretoriana (Fonte: Quesado)
* Acompanhar às completas (Fonte: Zedu)
* Aresto Doméstico
* Arqui-sabido (Fonte:Jairo Ramos)
* Autarquia ancilar (Fonte: Graça Freitas)
* Ação Alijatória (Fonte: Helvécio Chaves)
* Caderno Probatório (Fonte: Helvécio Chaves)
* Com fincas ao dealbar (Fonte: Adauto de Andrade)
* Consideração postrema (Fonte: Jairo Ramos)
* Consonar-se (Fonte: Jairo Ramos)
* Conspícua escrivania (Fonte: Adauto de Andrade)
* Contérminos Hieráticos (Fonte: Quesado)
* Dar ensanchas (Fonte: Jairo Ramos)
* Decisão zurzida (Fonte: Helvécio Chaves)
* Denota-se
* Desabrochar da operação cognitiva (Fonte: Marco Aurelio Treviso)
* Digesto Obreiro (Fonte: Graça Freitas)
* Douto Louvado
* Em ressunta (Fonte: Jairo Ramos)
* Entendimento turmário (Fonte: Marco Aurelio Treviso)
* Entranhas Meritórias (Fonte: Marco Aurelio Treviso)
* Ergástulo Público (Fonte: Graça Freitas)
* Escólio
* Exordial
* Frontear (Fonte: Jairo Ramos)
* Grassar controvérsias (Fonte; Jairo Ramos)
* Indigitado (Fonte: Graça Freitas)
* Juiz Autóctone(Fonte: Quesado)
* Juiz de Piso (Fonte: Luís JJ Ribeiro)
* Lado outro
* Luculento arconte (Fonte: Adauto de Andrade)
* Matéria Abojada (Fonte: Marco Aurelio Treviso)
* Meritíssima Vara
* Nada obstante
* Oferecer armês ao assuntado (Fonte: Quesado)
* Oferendar a dilucular em apartado (Fonte: Eward Simeira)
* Ombrear (Fonte; Jairo Ramos)
* Operador do direito
* Perfunctório (Fonte: Gabriela Nutti)
* Perlustrar os autos (Fonte: José Barbosa)
* Peça Atrial (Fonte; Jairo Ramos)
* Peça de Alijação (Fonte: Helvécio Chaves)
* Peça de Arranque (Fonte: Luís JJ Ribeiro)
* Peça Dilucular (Fonte: Edward Simeira)
* Peça Gênese (Fonte: Oscar Krost)
* Peça Incoativa (Fonte: Graça Freitas)
* Peça Increpatória (Fonte: Graça Freitas)
* Peça Ovo (Fonte: Oscar Krost)
* Peça Primeva (Fonte: Andréa Marinho)
* Peça Prodrômica (Fonte: Daniel Mendes)
* Peça Pórtico (Fonte: Jairo Ramos)
* Peça Umbilical (Fonte: Oscar Krost)
* Peça Vestibular (Fonte: Oscar Krost)
* Plano zetético (Fonte: Nassif)
* Preexcelso Paracleto (Fonte: Quesado)
* Pronunciamento Fósmeo (Fonte: Quesado)
* Recurso Prepóstero (Fonte: Helvécio Chaves)
* Remédio heróico (Fonte: Graça Freitas)
* Renhidas porfias (Fonte: Jairo Ramos)
* Repositório Adjetivo (Fonte: Quesado)
* Sentença guerreada (Fonte: Andréa Marinho)
* Sentença Vergastada (Fonte: Helvécio Chaves)
* Serôdio (Fonte: Andréa Marinho)
* Sodalício
* Supedâneo
* Trazer à liça (Fonte: Jairo Ramos)
* Tudo joeirado (Fonte: Andréa Marinho)
* Ventre dos autos (Fonte: José Barbosa)

(Postado por Pepe Chaves às Segunda-feira, Janeiro 21, 2008
http://pepe-ponto-rede.blogspot.com/2008/01/o-brega-jurdico-ii-revanche.html)

 

Ver mais JUSTIÇA COM HUMOR